Skip Ribbon Commands
Skip to main content

Notícias

Chicago

Volume global de transações hoteleiras deve atingir US$ 33 bilhões em 2013

Disponibilidade de financiamento deve registrar nível mais alto desde 2007


Os especialistas da área de Hotéis e Hospitalidade da Jones Lang LaSalle esperam que o volume mundial de transações no segmento de hotelaria atinja a cifra de US$ 33 bilhões em 2013, conforme a maior transparência em todo o mundo for abrindo espaço para um campo de atuação mais globalizado para os investidores. Com a continuidade da transformação do cenário de investimentos, diversos grupos de investidores continuarão interessados em adquirir ativos, revelam os resultados do relatório anual da Jones Lang LaSalle, Hotel Investment Outlook (Perspectivas do setor de investimentos hoteleiros).

O capital transnacional, que correspondeu a 30% do investimento global em hotéis em 2012, também poderá acelerar-se em 2013.

Os ciclos econômicos anteriores fornecem poucas pistas do que este ano reserva para o segmento de hotéis, com os novos indicadores combinados de uma economia global que exibe disparidades definindo os caminhos do investimento:

  • A disponibilidade global de capital para financiamento deverá ficar em seu nível mais alto desde 2007,
  • Os fundos de private equity e os REITs (fundos de investimento imobiliário - FIIs) dominarão a atividade de compras, respondendo por 60% do mercado global,
  • Os maiores vendedores serão os induzidos pelos bancos, em decorrência de problemas de refinanciamento.

"Proprietários inadvertidos de hotéis, tais como bancos e liquidatários, continuarão levando para o mercado significativa parcela dos produtos hoteleiros.  Esperamos também que investidores institucionais liquidem ativos non-core selecionados, criando oportunidades para investidores interessados em agregar valor aos ativos", disse Mark Wynne-Smith, CEO Global do Grupo de Hotéis & Hospitalidade da Jones Lang LaSalle.  "Embora os compradores tenham indicando uma intenção maior de aquisições em 2013, a incerteza econômica global manterá um teto para o volume de transações".

Dos players ativos, os fundos de private equity continuarão na liderança como investidores, estando na posição favorável de obter retornos oportunistas por meio de seu significativo poder de compra e tolerância ao risco.  Os fundos de investimento imobiliário (FIIs), compradores líquidos ao longo de todo o ano de 2012, continuarão fazendo as mais importantes aquisições de imóveis principais em grandes mercados.  Esse é o caso especialmente na América do Norte e na região da Ásia-Pacífico, onde dois novos fundos de investimento em hotéis, estabelecidos em Cingapura, foram listados em bolsa.  Em 2013, fundos do Oriente Médio continuarão esquadrinhando o globo à procura de ativos 'premium', em busca de oportunidades para exportar capital.

Capital financiado: progresso e crescimento, ou estagnação?

 A disponibilidade global de financiamento em 2013 deverá atingir seu nível mais alto desde 2007, não obstante variações regionais.  Grandes bancos, tradicionalmente os principais fornecedores de financiamento imobiliário, não possuem balanços com capacidade financeira suficiente para emprestar montantes significativos de dinheiro novo.  Os fundos soberanos, fundos mútuos e seguradoras, no entanto, preencherão essa lacuna como financiadores de capital para dívidas de primeiro grau e, em alguns casos, para operações de mezanino.

Resultados operacionais dos hotéis reafirmam as perspectivas

Os resultados operacionais hoteleiros estão, de forma geral, mantendo-se fortes e, em alguns casos, dadas as pressões econômicas, estão superando as expectativas.  Na dianteira do crescimento em termos de receita por quarto disponível (índice RevPAR*), neste ano, estão as cidades ricas em recursos e as grandes metrópoles em todo o mundo, destacando a atratividade que hotéis de alta qualidade e geradores de receita têm como classe de ativos. Os viajantes globais puxarão a demanda e as tarifas médias em mercados como Istambul, Munique, São Francisco, Boston, Sydney e Cingapura, os quais já atraíram o interesse dos investidores, e serão os mercados para se acompanhar atentamente em 2013.

Um longo caminho pela frente

Os níveis de transações, os valores do capital, os números dos negócios imobiliários hoteleiros e os aluguéis estão, em geral, melhorando contra um pano de fundo de revisões para baixo nas perspectivas de crescimento econômico.  Todavia, dados os montantes de estímulos que continuam sendo injetados na economia mundial, as expectativas são de que as taxas de crescimento melhorem gradualmente nos próximos anos.

"As estratégias de investimento daqui para a frente serão mais estruturais e estratégicas do que cíclicas, impactando aquilo que sempre consideramos o fluxo e refluxo 'típicos' do mercado de transações", concluiu David Green-Morgan, diretor global de pesquisa da área de Mercado de Capitais da Jones Lang LaSalle.  "Investidores e operadores flexíveis, que conseguem calcular riscos e se adaptar rapidamente, serão os mais bem sucedidos este ano".

O Grupo de Hotéis & Hospitalidade da Jones Lang LaSalle é líder mundial do setor de hospitalidade em serviços imobiliários voltados para hotéis de luxo, upscale, de categoria tanto especial como econômica; empreendimentos no sistema de timeshare e de propriedade compartilhada; centros de convenções; empreendimentos de uso misto e outros imóveis do setor de hospitalidade. Seus mais de 265 especialistas atuam em conjunto com investidores e proprietários/operadores em todo o mundo para estruturar e dar apoio a estratégias de investimento que entreguem máximo valor ao longo de todo o ciclo de vida de um ativo. Nos últimos cinco anos, a equipe concluiu mais transações do que qualquer outra consultoria imobiliária do mundo na área de hotéis e hospitalidade, totalizando quase US$ 25 bilhões, tendo também concluído aproximadamente 4.000 trabalhos contratados nas áreas de consultoria e avaliação. Os especialistas do grupo de hotéis e hospitalidade da Jones Lang LaSalle fornecem consultoria independente e especializada para clientes, amparados por suas pesquisas líderes do setor.

Para mais novidades, vídeos e pesquisas do Grupo de Hotéis & Hospitalidade da Jones Lang LaSalle, visite o site www.jll.com/hospitality