Skip Ribbon Commands
Skip to main content

Notícias

São Paulo

JLL participa da Hora do Planeta

Empresa reforça ações para uso racional de energia elétrica e água nos prédios que gerencia no Brasil


A JLL, consultoria de investimentos e serviços imobiliários, participará pelo oitavo ano consecutivo da Hora do Planeta, que este ano acontece no sábado, dia 28 de março, das 20h30 às 21h30.  

Responsável pelo gerenciamento de áreas comuns e de facilities de diversos empreendimentos comerciais no país, a JLL desligará equipamentos não essenciais e letreiros luminosos de fachadas das propriedades que administra e também apagará as luzes de seus quatro escritórios no Brasil. Funcionários, clientes e parceiros também são encorajados a aderir à campanha.

Reconhecida mundialmente pelo seu engajamento ativo nas discussões sobre as mudanças climáticas e pelo desenvolvimento de iniciativas e práticas sustentáveis de grande impacto, a JLL mantém parcerias e associações com as principais organizações mundiais em prol da sustentabilidade, entre as quais: The Better Buildings Initiative, Clinton Global Initiative, Ceres, The U.S. Green Building Council e ENERGY STAR. Anualmente, suas equipes nos 80 países em que atua se juntam à Hora do Planeta.

Iniciativa mundial da Rede WWF realizada desde 2007, a Hora do Planeta é um ato simbólico em apoio à luta contra as mudanças climáticas, na qual empresas, governos e pessoas no mundo todo se unem para mostrar sua preocupação, apagando as luzes durante sessenta minutos.

Água: racionalizar o consumo – Os serviços da JLL de gestão de condomínios comerciais já preveem o uso racional de energia e também de água. Os gerentes de propriedades trabalham em parceria com seus clientes para continuamente propor soluções que visam à utilização mais racional de recursos, combinadas com práticas menos agressivas ao meio ambiente, desde a concepção até a operação e manutenção de um empreendimento.

Nestes projetos, a atuação da JLL compreende desde o estudo detalhado de viabilidade técnica e econômica, planejamento, projeto e implementação de soluções e tecnologias específicas para cada empreendimento, buscando a melhor solução técnica com a melhor relação custo x benefício.

"Além da atualização de instalações, as ações de engajamento de usuários, proprietários e fornecedores são uma etapa fundamental do processo, já que promovem uma mudança de atitude em relação ao consumo, o que é fundamental para a continuidade e sucesso dos projetos implementados", afirma Fábio Martins, diretor da área de Gerenciamento de Propriedades da JLL.

A área de Gerenciamento de Propriedades da JLL também elaborou um plano de ação para enfrentar a atual crise da água. O material traz orientações às equipes da JLL responsáveis pela administração de condomínios comerciais para reforçar as ações de conscientização sobre o uso racional da água, e para adotar algumas mudanças nas rotinas de limpeza, rega e uso do ar condicionado, visando minimizar o consumo, sem, contudo, comprometer a qualidade do serviço. A JLL também propõe alternativas, que devem ser avaliadas pelos proprietários, para garantir o consumo de água nos empreendimentos, caso o fornecimento pelas concessionárias seja interrompido: instalação de caixas d'água extras, sistemas para captação de água da chuva, do lençol freático e do dreno do ar condicionado.

Somando todos os projetos de uso racional de água colocados em prática nos empreendimentos gerenciados pela JLL, a empresa registrou uma economia de 8 milhões de litros de água por mês, o que equivale a quatro piscinas olímpicas ou o Parque Aquático Maria Lenk (Pan Rio 2007).

_________________________________________________________________________________

 

Sobre a JLL

A JLL (NYSE:JLL) é uma consultoria imobiliária que oferece serviços integrados para investidores, proprietários e ocupantes de imóveis comerciais que abrangem escritórios, hotéis, propriedades industriais, condomínios logísticos, propriedades do setor de varejo, ambientes críticos e data centers, entre outros. O amplo portfólio de serviços oferecidos pela empresa possibilita a seus clientes maximizar o valor de seus ativos por meio de aquisições, ocupação ou investimentos imobiliários.

 

Com receita global anual de honorários de US$ 4,7 bilhões, e receita bruta de US$ 5,4 bilhões a JLL tem 230 escritórios, atua em 80 países, e sua força de trabalho global compreende 58 mil profissionais. A empresa oferece serviços imobiliários para um portfólio de 316 milhões de m² no mundo e completou US$ 118 bilhões em vendas, aquisições e transações financeiras em 2014. JLL é marca registrada da Jones Lang LaSalle Incorporated.

 

Os principais serviços oferecidos no Brasil incluem: transações (locação, vendas e investimentos), gerenciamento de propriedades, gestão de projetos e desenvolvimento, serviços de design and build, gerenciamento de facilities, serviços de manutenção e engenharia, avaliações imobiliárias, pesquisas de mercado, serviços imobiliários para varejo e consultoria hoteleira.

 

Para mais informações, visite o site: http://www.jll.com.br e conheça a newsletter corporativa Panorama, com as principais notícias e informações sobre o mercado imobiliário e os negócios realizados pela empresa.

______________________________________________________________________________________________________

Contato para a imprensa:

Luciana Mello • Reverbere Comunicação

Jornalista Responsável: Luciana Mello • MTb: 26.800/ SP

11 2615-5587

luciana.mello@reverbere.com.br